EDIÇÃO IMPRESSA – 28 condenados no caso das cartas de condução de Vila Verde recorreram para o Tribunal da Relação

EDIÇÃO IMPRESSA –
28 condenados no caso das cartas de condução de Vila Verde recorreram para o Tribunal da Relação

São 28 os recursos para a Relação de Guimarães que foram apresentados no Tribunal de Braga por outros tantos arguidos que haviam sido condenados num mega-processo de corrupção nas cartas de condução no antigo centro de Exames de condução de Vila Verde, da ANIECA – uma das associações de industriais do sector. Ao que O Vilaverdense soube, foi o principal arguido, o examinador de condução Joaquim Oliveira, um dos últimos a fazer a entrega electrónica do recurso, mas ainda dentro do prazo.

Mais desenvolvimentos na edição impressa deste mês

PUBLICIDADE