ROTA DAS COLHEITAS –

ROTA DAS COLHEITAS – -

A tradição da malhada do centeio regressa em força a Aboim da Nóbrega

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O Lugar da Marting, em Aboim da Nóbrega, prepara-se para receber no próximo sábado, pelas 17h00, a recriação de uma malhada de centeio tradicional. A prática agrícola será totalmente fiel aos moldes antigos, em que não faltam os trajes de época, as alfaias de outrora, a música popular e o merendeiro no final.

A recriação da tradicional malhada do centeio é organizada pela Junta da União de Freguesias de Aboim da Nóbrega e Gondomar e insere-se na programação Na Rota das Colheitas, do Município de Vila Verde.

PUBLICIDADE

Antes de iniciar a malhada propriamente dita, a eira de David Martinga apronta-se para dar um pé de dança com o rancho da freguesia.

O primeiro passo é espalhar o centeio seco pela eira de pedra. Depois, entram em acção os homens brandindo o malho de madeira que quebra o cereal dourado. Aos poucos, instala-se uma disputa saudável entre os dois grupos, tal como acontecia no passado.

As mulheres estão fora da competição, mas são elas quem organiza o centeio entre malhadas e recolhem as sementes que se soltam.

Tal e qual como acontecia em tempos antigos, o final da malhada é sinónimo de merenda farta. Há uma mesa recheada com os mais variados petiscos: pataniscas, broa caseira, presunto e, claro, o vinho típico da região são algumas das iguarias que se colocam em cima da mesa.

O presidente da Junta de Aboim da Nóbrega e Gondomar, João Fernandes, realça a importância da recriação desta prática do mundo rural.

«É muito importante que a tradição não desapareça. A malhada de centeio é uma actividade que merece todo o respeito», refere, acrescentando que «quem visitar Aboim nesse dia fica a conhecer verdadeiramente como as coisas eram feitas antigamente».

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.