VILA VERDE –

VILA VERDE – -

Alunos da EPATV usam novas tecnologias e telemóvel para ter aulas

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

As novas tecnologias e dispositivos como o telemóvel estão a ser as ferramentas utilizadas pela Escola Profissional Amar Terra Verde (EPATV) para promover o ensino à distância neste período de isolamento social.

O director da escola, João Luís Nogueira, destaca que 70% dos alunos têm acesso aos conteúdos pedagógicos através das plataformas digitais do Ministério da Educação, disponibilizados pela Internet e acessíveis em computador.

PUBLICIDADE

Os outros 30% dos estudantes, por residirem em locais onde a Internet não chega, ou então não é eficiente, usam o telemóvel e as várias aplicações de contacto social para serem acompanhados pelos professores.

«Estes alunos têm telemóvel com Internet e, por isso, estão a ser seguidos e em contacto com os professores, tal como os restantes. Utilizam o Messenger, o Skype e o WhatsApp. Há um contacto permanente e uma orientação dos professores no caso dos estudos e dos trabalhos a fazer», sublinha.

No Centro Qualifica, João Luís Nogueira refere que a formação segue a mesma lógica e que «os técnicos estão a dar o devido acompanhamento aos adultos» que a frequentam.

«A escola promove, todas as semanas, reuniões com os responsáveis das diferentes áreas através da plataforma Zoom», realça.

Tal como “O Vilaverdense” já noticiou, a Escola Profissional Amar Terra Verde colocou, a partir de 1 de Abril, 17 dos seus 150 trabalhadores e colaboradores em regime de layoff.

João Luís Nogueira adiantou que, como a escola está fechada há 20 dias, há funcionários cuja missão específica não permite o teletrabalho, caso dos técnicos administrativos, dos cozinheiros, dos pasteleiros, dos auxiliares e dos de limpeza.

«Vão para casa, mas recebem 66,6% do salário, 70% do qual pago pela Segurança Social e o restante pela empresa», sublinhou.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS