VILA VERDE

VILA VERDE -

Alunos da Ribeira do Neiva plantam árvores no Monte de S. Miguel-o-Anjo

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Uma acção de reflorestação no Monte de S. Miguel-o-Anjo, com alunos da Escola Básica da Ribeira do Neiva, marcou, esta terça-feira, o programa da Semana da Floresta Autóctone, que está a decorrer no concelho de Vila Verde.

A presidente da Câmara Municipal, Júlia Fernandes, participou na iniciativa que, além das novas árvores autóctones plantadas, representou também «um momento especial para sensibilizar e contagiar os mais novos para a defesa e valorização do ambiente».

PUBLICIDADE

«É uma necessidade e uma urgência que cada um contribua, de alguma forma, para defendermos este nosso Planeta. Não temos outro e temos consciência da degradação que temos provocado. Já percebemos o impacto do efeito estufa e das alterações climáticas. Por isso, é nossa responsabilidade agir para salvar e proteger as nossas florestas e o nosso meio ambiente», apelou Júlia Fernandes.

O vereador da Educação, Manuel Lopes, desafiou também os alunos a envolverem-se na causa ambiental, apontando exemplos da importância e dos benefícios da floresta para a vida de todos, incluindo alguns dos recursos que podemos extrair da sua vasta riqueza, desde a pastorícia e produtos alimentares a matéria-prima para a indústria.

Com o apoio da Equipa Municipal de Intervenção Florestal (EMIF), os alunos plantaram no alto do monte de Prado S. Miguel algumas espécies autóctones, como carvalhos, medronheiros e pinheiros, contando ainda com a ajuda dos professores e dos representantes do Município.

PROGRAMAÇÃO

A Semana da Floresta Autóctone decorre até sexta-feira, com diversas actividades. Nos Paços do Concelho, está patente ao público a exposição fotográfica “Um Olhar nas Florestas de Portugal”.

Esta quarta-feira, às 10h00, a Escola Secundária de Vila Verde acolhe a palestra “Sensibilização para as Alterações Climáticas”, com a participação de Adelino Silva.

Na quinta, a partir das 11h00, será a vez do fotógrafo de natureza Carlos Palma Rio falar sobre biodiversidade, na Escola Profissional Amar Terra Verde, numa ocasião que servirá também para hastear da Bandeira Verde Eco-Escolas.

Na tarde de quinta-feira, pelas 14h00, a Praia Fluvial do Faial na Vila de Prado acolherá uma acção de sensibilização sobre “Espécies Invasoras”, com a participação da CIM Cávado, do “Projecto Ciga Giro – Centro Comunitário de Prado” e do Agrupamento de Escolas de Prado.

Uma visita ao Horto Municipal e um atelier de geminação de sementes preenchem a manhã de sexta-feira, numa actividade que envolve a Escola Básica de Lanhas, sob o tema “Explorando plantas …sementes, geminação e crescimento”.

No sábado, o programa encerra com uma caminhada ambiental, que arranca às 9h15 do largo da feira de Pico de Regalados, numa acção que servirá para identificar espécies autóctones e espécies invasoras e que incluirá um magusto e uma palestra sobre “Vespa das galhas do castanheiro”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.