REGIÃO –
Bloco exige construção do novo hospital de Barcelos

José Maria Cardoso reuniu com a Administração do Hospital Santa Maria Maior, em Barcelos, para avaliar o estado do processo de construção do novo hospital de Barcelos e Esposende e para apresentar as propostas do Bloco de Esquerda (BE) para “salvar o Serviço Nacional de Saúde (SNS), público, de qualidade e gratuito”.

O cabeça-de-lista do BE às Eleições Legislativas por Braga referiu a importância de cumprimento da decisão da Assembleia da República, aquando da discussão do Orçamento de Estado para o ano de 2019, que aprovou a proposta do Bloco para inicio dos procedimentos para a construção do novo hospital de Barcelos e Esposende, exigindo que a obra avance.

PUBLICIDADE

Sobre as propostas para a área da saúde, o bloquista afiançou “o reforço do orçamento do SNS e criação de um plano plurianual de investimentos, que inclua a construção do novo hospital em Barcelos, a separação clara entre público e privado, a autonomia de gestão das unidades do SNS”.

A definição de uma estratégia nacional de recursos humanos do SNS, a valorização os profissionais, o acesso a medicamentos com aposta na produção do Estado, o reforço da resposta em saúde mental, oral e outras no âmbito dos cuidados de saúde primários e das redes de Cuidados Continuados e de Cuidados Paliativos, são outras das propostas.

José Maria Cardoso salientou que, “apesar das parcas condições do edificado do hospital actual, os níveis de serviço são excelentes e, na categoria B, este hospital apresenta os melhores resultados a nível nacional, demonstrando bem o empenho e dedicação de todos os profissionais que lá prestam serviço”.

Destacou, também, os projectos bem-sucedidos de internamento domiciliário e de cooperação com os cuidados de saúde primários.