ELEIÇÕES EUROPEIAS

ELEIÇÕES EUROPEIAS -

Bugalho (AD) recebido em Vila Verde por meio milhar de apoiantes

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Sebastião Bugalho, cabeça-de-lista da Aliança Democrática (AD) às eleições europeias de 09 de Junho, foi recebido em Vila Verde, ao início da tarde, por meio milhar de apoiantes, no almoço-comício da campanha.

Entusiasmado pelo apoio, o candidato manifestou a sua confiança «na vitória». Agradeceu o apoio de Vila Verde e do distrito de Braga, num dia dedicado à região.

Paulo Rangel, o primeiro vice-presidente do PSD, marcou presença e pediu aos eleitores da classe média que deem no domingo «um cartão vermelho» ao Chega e, em especial, ao PS, dizendo que os líderes destes partidos «estão a tirar dinheiro à classe média».

No almoço-comício em Vila Verde, no âmbito da campanha da AD às europeias, Paulo Rangel, ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, referiu-se ao «chumbo», em sede de comissão parlamentar, da proposta de nova tabela de taxas dos escalões do IRS do PSD e CDS-PP, com votos contra de PS, PCP, BE e Livre, com a abstenção do Chega.

Em contrapartida, na Comissão de Orçamento e Finanças foi aprovada a proposta do PS sobre redução das taxas do IRS até ao 6.º escalão, mas, ao contrário do PSD e CDS, mantendo as taxas dos escalões seguintes.

«Pedro Nuno e Santos e André Ventura estão a tirar dinheiro à classe média, uniram-se para prejudicar a classe média», acusou Rangel, dizendo que estes partidos consideram que pessoas que ganham 1.500 euros ou 2.000 euros são ricas e não precisam de alívio fiscal.

O cabeça de lista do PSD nas últimas três eleições europeias fez um apelo direto aos eleitores para que, nas eleições de domingo ao Parlamento Europeu, castiguem esses partidos por esta decisão em concreto.

«Peço a todos os que estão nesse escalão, que vivem do seu trabalho e não lhes sobra nada, para que, no dia 9, deem um cartão vermelho ao Chega e em especial ao PS. O PS é o partido inimigo da classe média», acusou.

Um ‘empurrão’ a Sebastião Bugalho, o agora cabeça-de-lista da AD às Europeias, que se fez acompanhar ainda do número dois da lista da AD, o famalicense Paulo Cunha.

A comitiva segue para Braga, onde farão uma caravana junto ao Arco da Porta Nova.

A jornada distrital termina com um jantar-comício em Famalicão.

ovilaverdense@gmail.com

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.