JUSTIÇA

JUSTIÇA -

Caem todas as acusações de corrupção contra José Sócrates

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O juiz Ivo Rosa deixou cair todas as acusações de corrupção que impeliam contra o antigo Primeiro-Ministro José Sócrates, a quem o Ministério Público imputava três crimes de corrupção passiva de titular de cargo político.

Sócrates foi ilibado dos crimes de corrupção passiva relacionados com o Grupo Lena e o empresário e seu alegado testa-de-ferro, Carlos Santos Silva, entre 2005 e 2011.

PUBLICIDADE

O mesmo aconteceu no caso que envolvia o ex-chefe do Governo e o antigo banqueiro Ricardo Salgado tendo em conta negócios do Grupo Espírito Santo e a PT.

O terceiro está relacionado com o empreendimento Vale do Lobo e o financiamento atribuído pela Caixa Geral de Depósitos, num caso que envolvia também o ex-Ministro Armando Vara.

A decisão instrutória foi lida pelo juiz Ivo Rosa, esta sexta-feira, no Campus da Justiça, em Lisboa.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS