REGIÃO

REGIÃO -

Câmara de Caminha arranca com montagem do mercado provisório

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Câmara Municipal de Caminha inicia esta quinta-feira os trabalhos preparatórios para a implantação do Mercado Municipal provisório que albergará os comerciantes que se encontram no actual mercado e que entra em obras “nas próximas semanas” e com um investimento ultrapassa os 600 mil euros, informa em comunicado.

“A autarquia garantiu já financiamento e empreiteiro para o novo Mercado Municipal, obra que arrancará nas próximas semanas, mas, para que se possa intervir nele de forma segura, tornou-se imperioso encontrar soluções para albergar os actuais comerciantes num espaço digno no decorrer da referida obra”, explica o comunicando.

PUBLICIDADE

Os módulos ficam instalados na praça Pontault-Combault, em frente ao mercado actual, entre o casario a nascente e o arruamento a poente, ocupando quer a via de circulação interior quer a zona de estacionamento existente entre as casas de banho públicas a norte e a rua Lino Felgueiras da Silva a sul.

Para dotar estes módulos com abastecimento de água e saneamento torna-se necessário proceder a trabalhos que levam à suspensão temporária de trânsito excepto para moradores e cargas e descargas ao mercado provisório na praça Pontault-Combault, entre o casario a nascente e o arruamento a poente (prolongamento da rua da Trincheira) e entre as casas de banho públicas a norte e a rua Lino Felgueiras da Silva a sul, a partir desta quinta-feira ano até ao final da obra.

O novo espaço temporário de venda “pretende ser um local apelativo, que promova a venda dos nossos produtos locais, albergando os comércios existentes”.

“Com a instalação das infra-estruturas necessárias ao funcionamento dos modernos contentores que estarão ao serviço dos comerciantes e população, estão criadas as condições para se promover a demolição do actual Mercado Municipal e a construção de um outro, renovado, que corresponde a uma ambição de décadas da vila e do concelho de Caminha”, refere a autarquia.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS