REGIÃO –

REGIÃO – -

‘Caso assinaturas falsas’. Paulo Freitas do Amaral retira candidatura à Concelhia do PS de Guimarães

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Paulo Freitas do Amaral retirou a sua candidatura às eleições para a Concelhia de Guimarães do PS marcadas para sábado, avança esta quarta-feira O Comércio de Guimarães.

A decisão surge após a denúncia de alegadas assinaturas falsas no seu processo de candidatura, adianta aquele semanário.

PUBLICIDADE

A decisão foi comunicada à Comissão de Jurisdição da Federação de Braga do PS. Alexandre Maciel, presidente daquele órgão federativo, disse ter sido contactado esta terça-feira pelo próprio Paulo Freitas do Amaral numa altura em que a Comissão de Jurisdição estava reunida a analisar as denúncias sobre as alegadas falsificações, tendo comunicado a sua decisão de retirar a candidatura à Concelhia de Guimarães.

De acordo com Alexandre Maciel, Paulo Freitas do Amaral alegou “erros nas datas das declarações”.

Ainda de acordo com Maciel, as denúncias já motivaram a abertura de um processo de inquérito para apurar os contornos deste caso de alegadas falsificações de assinaturas. Perante a gravidade dos factos em causa, a serem comprovados, serão comunicados ao Ministério Público, garante Alexandre Maciel

As alegadas falsificações foram denunciadas por uma militante que comunicou os factos a órgãos do partido. Posteriormente, surgiram mais denúncias, sendo que até esta terça-feira, a Comissão de Jurisdição da Federação de Braga do PS tinha conhecimento de cinco alegados casos de falsificação de assinaturas. Caso estes factos se confirmem e forem apuradas responsabilidades, os seus responsáveis incorrem na pena de expulsão do PS.

Contactado ontem pelo Grupo Santiago, Paulo Freitas do Amaral escusou-se a comentar um caso que disse desconhecer.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.