SAÚDE -

SAÚDE - -

Centro de Hemodinâmica de Guimarães e Hospital de Braga vão partilhar serviços e recursos

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O Ministério de Saúde comprometeu-se a assumir a verba em falta para abertura da Unidade de Hemodinâmica do Hospital de Guimarães e a criar uma equipa técnica para alterar a rede de referenciação, permitindo a partilha de serviços e recursos com o Hospital de Braga.

O anunciou foi feito, esta segunda-feira, por Domingos Bragança na reunião do executivo e surge na sequência de uma reunião entre o presidente da Câmara de Guimarães e Marta Temido.

“Queremos que este Centro de Hemodinâmica seja colocado a funcionar, depois da equipa de técnicos de saúde e jurídica ultrapassar as questões que atrasaram este processo”, afirmou Domingos Bragança, acrescentando que “não está em causa a generosidade dos vimaranenses, o problema é que há 60% do custo deste Centro que resulta de um ‘acordo comercial’ que não cumpre as regras da concorrência e terá de ser o Ministério da Saúde a assumir essa verba”.

PUBLICIDADE

Na reunião camarária, Domingos Bragança destacou a “abertura” do Ministério da Saúde para resolver este impasse, assumindo o governo “o pagamento do valor em falta, apesar do contributo parcial dos vimaranenses, entre 30 a 40%, na criação do laboratório de hemodinâmica, para a realização de cateterismos”.

A entrada em funcionamento do novo laboratório de Hemodinâmica permite, por exemplo, que os doentes coronários possam realizar cateterismos cardíacos e angioplastias no Hospital da Senhora da Oliveira.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS