CERVÃES

CERVÃES -

Cerimónia de Atribuição de Prémios de Mérito e Reconhecimento encheu Salão Paroquial

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Junta de Freguesia de Cervães promoveu esta noite, no Salão Paroquial, uma cerimónia de Atribuição de Prémios de Mérito e Reconhecimento aos cervanenses que se destacaram nas áreas da Educação, Empreendedorismo e Cultura.

No início da cerimónia, que contou com casa cheia, o Presidente de Junta de Freguesia de Cervães, Hélder Forte, afirmou que «esta gala é para as pessoas que nos deram uma freguesia melhor e para que a comunidade tivesse e usufruísse do máximo de valências. É uma Freguesia em desenvolvimento e com pessoas que merecem este reconhecimento».

De seguida procedeu-se à tão aguardada entrega de prémios, pelas mãos do Vice-Presidente da Câmara de Vila Verde, Manuel Lopes, do Presidente de Junta de Freguesia Hélder Forte e do Pároco de Cervães, José Manuel Fernandes.

PUBLICIDADE

EDUCAÇÃO:

Alunos do 1º ao 4º ano:

1º ano

Maria Inês Silva

Maria Oliveira

Tomás Domingues

2º ano

Gonçalo Giesteira

Maria Gomes

Rita Gomes

Leonor Azevedo

Miriam Reis

Salomé Pinto

3ºano

Letícia Salgueiro

Paulo Ferraz

4ºano

Alice Santos

Ana Rocha

Diogo Costa

Filipe Costa

Isac Borges

Isabel Pinheiro

Martins Tecedeiro

Rodrigo Nogueira

Universitários:

Luis Gonçalves, concluiu com mérito o curso de História na Universidade do Minho

Joana Oliveira, concluiu com mérito o curso de Direito na Universidade do Minho

EMPREENDEDORISMO

Jovens empreendedores:

Criadores da página “Tá Bonito”- Hélder Gonçalves e Xavier Oliveira

PRÉMIO DE RECONHECIMENTO:

Júlia Costa, ex-professora

Maria da Assunção Oliveira, ex-professora

Manuela Macedo, funcionária da Junta de Freguesia, 25 anos ao serviço da comunidade

CULTURA

Maestro Alfredo Macedo

Rancho Folclórico de Cervães, pelos seus 35 anos de actividade

Antes de se proceder ao encerramento da cerimónia, o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde, Manuel Lopes, destacou que a gala hoje realizada é «feita pelas pessoas de Cervães e para as pessoas de Cervães. Serve para encorajar aqueles que estão a começar e aqueles que durante muito tempo levaram às costas a sua terra».

Manuel Lopes acrescentou ainda que «dos mais novos aos mais velhos, tivemos aqui hoje várias experiências de vida que souberam dar sempre à sua terra e aos outros aquilo que têm e que melhor sabem».

No final, os presentes foram brindados com a actuação do Racnho Folclórico de Cervães.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS