VILA VERDE

VILA VERDE -

Chega visita posto de vigia no Oural e denúncia condições “totalmente deploráveis”

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A equipa do Chega Vila Verde esteve, este domingo, em visita ao posto de vigia do Monte do Oural, no Vade, denunciando que “as condições de trabalho dos quatro vigias são completamente deploráveis”.

“Iniciam funções desde 29 de Junho até ao dia 15 de Outubro sem um acesso digno e sem ter sequer uma casa de banho de serviço”, refere o partido.

PUBLICIDADE

Segundo o candidato do Chega à Câmara, Fernando Silva, “o posto de vigia não garante as condições mínimas de segurança” para quem lá trabalha.

“A casa de banho foi prometida no início da época deste ano pelo Presidente de Câmara e pelo Presidente da Junta da União de Freguesias do Vade, Carlos Cação, mas até ao momento foram apenas descarregadas ao lado do posto de vigia, duas aduelas de cimento para calar a revolta dos vigias”, acrescenta.

De acordo com Fernando Silva, “o único acesso disponível é um caminho em terra batida, praticamente intransitável cheio de pedras soltas que danificam as viaturas dos vigias”.

“Faz falta também outro acesso, pois em caso de incêndio os vigias não tem outra escapatória possível. O Chega Vila Verde não tem medo ou vergonha de andar no terreno, nós não aparecemos só para inaugurações”, remata.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.