REGIÃO

REGIÃO -

CIM Alto Minho lança livros em multiformato para promover inclusão

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM) apresentou duas novas publicações, “A Flora e Carta mais Importante do Mundo” e “Lendas do Alto Minho”, no Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental, em Viana do Castelo, para assinalar o Dia Internacional das Línguas Gestuais.

Os livros foram desenvolvidos pelo Centro de Recursos para a Inclusão Digital (CRID) da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Instituto Politécnico de Leiria.

De acordo com a CIM, as duas obras surgem de um conceito inovador, que reúne vários formatos, de forma a oferecer diferentes opções de leitura, incluindo texto aumentado, braille, imagens em relevo (para crianças invisuais ou com baixa visão) e pictogramas (para crianças com incapacidade intelectual ou outro tipo de limitações).

Também apresentam um QR Code, que direcciona para o site da CIM Alto Minho (www.cim-altominho.pt), onde as mesmas se encontram em formato audiovisual, como audiolivro, vídeolivro em Língua Gestual Portuguesa e audiodescrição das imagens e ilustrações. Tudo isto torna as “obras inclusivas e acessíveis a um vasto público leitor”.

Segundo Manoel Batista, presidente da CIM Alto Minho, é necessário destacar a importância deste dia, tendo reforçado que “a ONU tem como objectivo aumentar a consciencialização sobre a importância das línguas gestuais na plena realização dos direitos humanos das pessoas surdas, reconhecendo a importância de proteger e defender as línguas gestuais como parte da diversidade”.

O também autarca de Melgaço sublinhou que este projecto em multiformato é um “recurso acessível a todos” e que as publicações serão oferecidas a entidades e instituições do Alto Minho, valorizando a “inclusão de todos os cidadãos do território”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.