REGIÃO

REGIÃO -

CIM Cávado mostra projetos com soluções de base natural no território

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Cávado recebeu uma comitiva de parceiros do projeto NBRACER, com o objetivo de visitar projetos concetualizados com Soluções de Base Natural (NBS).

“Nesta visita constituída por membros da Climate Kic e da Universidade de Lisboa, tivemos a oportunidade de efetuar um ponto de situação do projeto, bem como visitar alguns projetos NBS de excelência no território, como a renaturalização do rio Este em Braga e o canal intercetor de Esposende”, refere a CIM do Cávado em comunicado.

Segundo o organismo, “a perceção do risco de erosão costeira foi também abordada, com a visita à praia e paredão de Ofir”.

“Nesta jornada de dois dias, a CIM do Cávado participará ainda num workshop no promovido pelo município do Porto, parceiro do projeto e região demonstradora, numa oportunidade de observação e envolvimento na conceção e envolvimento dos atores locais de soluções de base natural para aumentar a resiliência as alterações climáticas”, acrescenta o comunicado.

Segundo a CIM, “este projeto pretende desenvolver abordagens inovadoras aos impactos das alterações climáticas nas regiões atlânticas, através da demonstração do potencial de upscaling de soluções baseadas na natureza (Nature Based Solutions) na redução do riscos e vulnerabilidades, nas dimensões de paisagem urbana, rural e marítima/costeira, visando torná-las mais resilientes às alterações climáticas”.

“No território do Cávado, serão replicadas Nature Based Solutions relacionadas com a gestão da água, sistemas costeiros e marinhos e biodiversidade; melhoria da urbanização sustentável para reduzir o impacto das ondas de calor; restaurar ecossistemas degradados, fornecendo soluções tanto para inundações e secas como para o combate à proliferação de espécies aquáticas invasoras”, frisa.

O NBRACER tem um financiamento global de cerca de 18 milhões de euros, atribuído ao abrigo do programa Horizon Europe da Comissão Europeia, que conta com 30 parceiros de oito países europeus e decorrerá até setembro de 2027.

Partilhe este artigo no Facebook
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE