CULTURA

CULTURA -

Companhia de Teatro de Braga volta aos palcos

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Depois de mais um «longo período de reclusão» a Companhia de Teatro de Braga (CTB) volta ao lugar do crime, ou seja, ao palco. Nos meses de Abril e Maio, a CTB leva à cena três diferentes criações e que merecem a sua atenção.

Em Abril, a peça “No Alvo”, de Thomás Bernhard, para além de ser «uma homenagem ao 25 de Abril» por parte da Companhia, é uma criação que «já visitou vários países, servida por magníficas interpretações, as quais, Silvia Brito, Solange Sá, André Laires e Eduarda Filipa. O espectáculo está marcado para dia 23, às 19h e dia 24, às 11h, ambas na Sala Principal do Theatro Circo.

“Gostava de estar viva para vê-los sofrer”, de Max Aub, com um «solo magistral de Ana Bustorff, que está de volta à Companhia sob a direcção do espanhol Ignácio Garcia». O espectáculo decorre no dia 30, às 20h no Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada.

PUBLICIDADE

No mês de Maio a Companhia está de volta a Braga, às ruinas do antigo Teatro Romano, para apresentar “As Troianas”, de Eurípedes, uma «grande produção com mais de 30 pessoas em cena». O epctºaculo de 4 a 13 sempre às 20h.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS