LAGE –  Comunidade recriou prática da Matança da Seba

LAGE –
Comunidade recriou prática da Matança da Seba

A Escola do Penedo, na Lage, recebeu este sábado a recriação da prática ancestral da Matança da Seba, a que se seguiu um convívio, numa iniciativa integrada na Rota das Colheitas.

Entre os participantes estavam dois casais do Grande Porto, que chegaram à Lage propositadamente para assistir à matança da seba, algo que confessaram nunca ter visto.

PUBLICIDADE

Este domingo, como habitualmente, há rejoada para o almoço, nas instalações da sede da Junta de Freguesia, às 13h00.

Durante a tarde, decorre o magusto típico.

As famosas sopas de cavalo cansado também prometem fazer as delícias de lagenses e visitantes.

A par do ano passado, as receitas da iniciativa revertem para uma causa social e, desta feita, o objectivo é a aquisição de um órgão para igreja paroquial.

Para o presidente da Junta de Freguesia da Lage, Carlos Pedro, o evento acontece essencialmente com o objectivo de valorizar a cultura tradicional, naquilo que o autarca diz ser «um autêntico acto de tradição».