REGIÃO

REGIÃO -

Esposende disponibiliza apoio especializado a cuidadores

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Câmara Municipal de Esposende celebrou um protocolo de colaboração com o Centro de Assistência Social à Terceira Idade e Infância de Sanguêdo, para a implementação do Projeto Cuidar de Quem Cuida (CQC), cujo objectivo passa por «criar uma rede de suporte formal aos cuidadores/as informais e, em simultâneo, para promover a melhoria da qualidade de vida destes/as e, ainda, das pessoas cuidadas».

Concluído o processo de capacitação das instituições da Rede Social de Esposende, entra-se numa nova etapa de apoio especializado aos cuidadores.

O Município de Esposende passa, assim, a dispor do «atendimento especializado e individualizado ao Cuidador Informal, a funcionar nas instalações da Divisão da Coesão e Desenvolvimento Social, ajudando os munícipes a ter acesso a um conjunto de medidas de apoio e direitos de diversa natureza».

PUBLICIDADE

“CUIDAR DE QUEM CUIDA”

Cuidar de Quem Cuida é um programa de capacitação para a implementação de respostas de apoio especializado junto de cuidadores/as informais e que passa pela implementação de diversos programas, como o Psicoeducativo para Cuidadores Informais de pessoas com demência, ou Psicoeducativo para Cuidadores Informais não especificados, além de um Grupo de Ajuda Mútua, decorrente do Programa Psicoeducativo e um Gabinete de Apoio ao Cuidador.

INFORMAÇÃO E ACONSELHAMENTO

Os cuidadores informais passam, ainda, a dispor de informação e aconselhamento, grupos psicoeducativos e apoio psicológico, podendo para o efeito, contactar os serviços presencialmente na Divisão da Coesão e Desenvolvimento Social, através do 937630860 ou do e-mail accaosocial@cm-esposende.pt

Os principais objetivos do CQC passam pela «promoção de respostas de apoio especializado aos cuidadores informais de pessoas com demência ou em situação de pós-AVC, privilegiando a cooperação intermunicipal e de multidisciplinaridade entre profissionais de diversos parceiros da área social e da saúde».

ADERENTES

Aderiram ao projeto CQC a Associação Social Cultural e Recreativa de Apúlia, o Centro Social da Juventude Unida de Marinhas, o Centro Social da Paróquia de Curvos, o Centro Social João Paulo II, o CICS Palmeira de Faro, a Esposende Solidário, a Fundação Lar de Santo António, o Grupo de Ação de Solidariedade Social de Antas, a Santa Casa da Misericórdia de Esposende e a Santa Casa da Misericórdia de Fão.

Cada instituição contribui com os seus recursos disponíveis, ajudando a disseminar toda a informação útil sobre o cuidador e a pessoa cuidada, os seus direitos e benefícios, medidas de apoio e serviços.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.