REGIÃO

REGIÃO -

Famalicão apresenta candidatura de 1,2 milhões para dar “impulso positivo” à recuperação da Bacia do Ave

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Câmara de Famalicão apresentou uma candidatura ao Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (Compete 2020), no valor de 1,2 milhões de euros, para recuperar e valorizar margens dos rios Ave, Pelhe, Guisande e o ribeiro de Beleco, em Ribeirão.

Discutido em sede de reunião de Executivo, a candidatura, que conta com a parceria da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) para a execução do projecto de recuperação e valorização hidrográfica da Bacia do Ave, prevê a estabilização das margens e beneficiação de habitat, para espécies ribeirinhas em domínio hídrico, a melhoria das condições de escoamento e desobstrução da rede hidrográfica e da qualidade das massas de água.

PUBLICIDADE

A mitigação dos efeitos das cheias, a reabilitação das infra-estruturas degradadas, a contenção de espécies invasoras e o reforço da monitorização da qualidade da água são outros objectivos.

Mário Passos, presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão considera o protocolo celebrado com a APA “uma garantia do desenvolvimento do projecto”.

“Esta candidatura vem dar um impulso muito positivo ao plano que temos de recuperação de centenas de quilómetros de linhas de água no concelho, para reactivar a vida nos rios e devolvê-los à comunidade”, afirma.

“Procuramos que os rios tenham boa qualidade de água, mas também biodiversidade associada, posicionando-se como corredores ecológicos de excelência para salvaguarda ambiental e para usufruto dos cidadãos”, assegura Mário Passos.

O montante máximo elegível de comparticipado é de 1,285 mil euros.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.