BRAGA - Fazia assaltos em série, a lojas e pessoas na rua. Apanhou nove anos e quatro meses de prisão

BRAGA -
Fazia assaltos em série, a lojas e pessoas na rua. Apanhou nove anos e quatro meses de prisão

Já estava preso por crimes de roubo e furto. Foi agora condenado, em cúmulo jurídico, a nove anos e quatro meses de prisão.

O rol de crimes de Ricardo André Costa, de 32 anos, de Braga, começou com um assalto a um supermercado em Braga, de onde levou, sob ameaça de morte com uma faca, produtos no valor de 11 euros. Seguiu-se uma loja, onde, depois de partir o vidro, furtou produtos de 263 euros.

Valor a que acresce o prejuízo de 85. Fez o mesmo em 2015, numa outra loja, levando 335 euros em objectos.

PUBLICIDADE

Atacou depois, na rua, uma mulher que ia na rua, com dois filhos na mão, levando-lhe a carteira, que vale 300 euros, e 1225 em valores e objectos que continha.

Em 2015, foi a vez de uma farmácia, onde também quebrou um vidro para levar 135 euros em produtos.

Assaltou, ainda, um cabeleireiro, uma casa particular, outra loja, uma escola de condução. E fez mais dois assaltos a cidadãos na via pública. O cúmulo jurídico teve, ainda, em conta que, alguns dos crimes foram praticados quando estava em liberdade provisória, e já tinha outras 11 condenações.

Subscrição ao jornal - Papel
 
NIB: XXXX XXXX XXXXXXXXXXX XX
IBAN: XXXX XXXX XXXX XXXXXXXXXXX XX
SWIFT/BIC: XXXXXXXX

close-link