REGIÃO

REGIÃO -

Fundação para a Ciência e a Tecnologia aprova projecto do Politécnico de Viana do Castelo sobre remoção de amianto

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

No âmbito do Projecto ‘Verão Com Ciência’, o Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) viu aprovado o Plano de Formação ‘Renovação de Coberturas Revestidas a Amianto em Edifícios Escolares – Soluções Pró-Sustentabilidade Ambiental’.

Em 2018, o Politécnico de Viana do Castelo apresentou candidatura aos avisos POSEUR-03-2018-07 destinados à promoção da eficiência energética nos edifícios da administração pública central, financiado pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR).

PUBLICIDADE

O projecto [email protected] encontra-se actualmente em execução na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPVC, e prevê a remoção da cobertura original do edifício em fibrocimento com amianto (asbestos), numa área superior a 5.300m2, com aplicação posterior de solução de revestimento sustentável.

A formação proposta, e agora aprovada no âmbito das Academias de Verão, envolve uma “componente teórico-prática” com 60 horas de leccionação, repartida por 30 sessões com 2 horas leccionadas em contexto de sala de aula. Na sequência da formação teórico-prática, está prevista a realização de “oficinas de formação” prática, a desenvolver no terreno, num contexto de aprendizagem in situ, procurando proporcionar aos formandos a experiência de aprendizagem num “laboratório vivo”, em condições estrita segurança.

Esta modalidade está centrada nas práticas de formação no terreno que possibilitem a transferência da aprendizagem relacionadas com a reabilitação ambiental de coberturas revestida a fibrocimento com amianto. A duração das “oficinas de formação” é de 60 horas, repartidas por 30 sessões com duas horas de formação diária.

O Plano de Formação prevê, assim, uma duração total de formação de 120 horas, repartidas equitativamente por uma “componente teórico-prática” e por “oficinas de formação”.

Os destinatários da formação são 15 estudantes do IPVC que reúnam as condições para ser bolseiros de iniciação à investigação ou de investigação, assim como os estudantes bolseiros da acção social escolar.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS