REGIÃO –

REGIÃO – -

Guimarães. Domingos Bragança pede “compreensão” e “paciência” para obras de 2020

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Domingos Bragança apelou à “compreensão” e “paciência” dos vimaranenses pelos previsíveis transtornos na mobilidade, motivados pelas várias obras projectadas para 2020 no concelho. A zona de Silvares é a mais problemática.

O foco dos projectos da rede viária em curso para 2020 está, precisamente, em Silvares.

PUBLICIDADE

“Vamos ter um ano de 2020 com muita obra na rede viária e poderá causar incómodo aos cidadãos, nesse sentido apelo à paciência de todos”, afirmou o presidente da Câmara Municipal.

“Estamos desenvolver Guimarães e esperamos um pouco a compreensão dos vimaranenses no sentido de eventual transtorno ao nível da mobilidade, mas é sempre em prol de um futuro melhor”, apontou.

LIGAÇÃO À AUTO-ESTRADA

“O desnivelamento da rotunda de acesso à auto-estrada deve começar no primeiro trimestre, apenas aguardamos o visto Tribunal de Contas”, adiantou o presidente da Câmara Municipal no final da reunião do executivo.

O autarca esclareceu que esta obra resulta de uma “reivindicação” da autarquia à Infraestruturas de Portugal (IP) e ao Governo, no âmbito do projecto da via de acesso ao AvePark.

“A Câmara Municipal realizou um protocolo onde assume o financiamento de 20% do valor da obra e a IP assumem cerca de 80% com a missão de liderar todo este projecto”, referiu.

Estão incluídas as obras da via de ligação da rotunda de Reboto a Mouril, cujo relatório final respeitante ao concurso público foi deliberado em reunião de Câmara, num valor superior a um 1 milhão de euros, e ainda a construção, pelo promotor da urbanização, da variante da rotunda de Mouril à rotunda do Pinheiro Manso.

Para além destas obras, Domingos Bragança mencionou ainda as obras de beneficiação e reperfilamento na estrada que liga Fermentões, Pencelo e Selho S. Lourenço à EM 582 (rua Engº Duarte Amaral), assim como a intervenção na rua 24 de Junho, em Aldão, e a rua Nossa Senhora da Guia, em Atães. O ano de 2020 fica ainda marcado pelas intervenções já anunciadas na rua D. João I, rua da Caldeiroa e rua Padre António Caldas, sob a responsabilidade do município.

No âmbito do investimento de promotores privados ao nível da rede viária perspectiva-se ainda o início do projecto que estabelece a ligação da avª D. João IV à rua António da Costa Guimarães (Urgezes).

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.