VILA VERDE

VILA VERDE -

Homem acusado de burla de 1.600 euros através do MB Way

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Um homem está acusado pelo Ministério Público (MP) de Vila Verde por ter usado a aplicação MBWay para burlar um anunciante da plataforma OLX, ficando-lhe com 1.600 euros.

Está, por isso, acusado dos crimes de burla informática, acesso ilegítimo e falsidade informática.

PUBLICIDADE

Segundo o MP, no dia 18 de Dezembro de 2019, o arguido contactou um anunciante da plataforma OLX manifestando interesse na compra de um bem que aquele colocara ali à venda por 1.000 euros.

Tinha, no entanto, o objectivo de o «ludibriar e de conseguir ganhos económicos à sua custa».

O MP considerou indiciado que «nesse contacto telefónico o arguido se predispôs a pagar por MB Way, tendo-se apercebido que o vendedor nem dispunha da referida aplicação, nem estava por dentro do seu funcionamento».

Aproveitando-se disso, a pretexto de que estavam a fazer diligências necessárias para concretizar o referido pagamento pela dita plataforma, operando sempre por telefone, convenceu o ofendido a deslocar-se a uma caixa Multibanco, dando-lhe depois indicações que conduziram a que este associasse na plataforma MB Way a sua própria conta bancária ao telefone usado pelo arguido.

A acusação acrescenta que o arguido ficou com acesso à referida conta bancária e procedeu ao levantamento em caixas multibanco de 400 euros em numerário, bem como transferiu para outra conta 1.200 euros.

O MP pede que o arguido seja condenado a pagar ao Estado este valor de 1.600, por constituir vantagem patrimonial da sua actividade criminosa, sem prejuízo dos direitos do lesado.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS