ÚLTIMA HORA (Empresas)

ÚLTIMA HORA (Empresas) -

INFLAÇÃO: Governo anuncia pacote de 600 milhões para apoio às empresas

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O Governo anunciou uma linha de crédito de 600 milhões de euros para as empresas, «abrangente para todos os setores», no âmbito das medidas de apoio governamentais de combate à inflação e ao aumento dos preços da energia. Esta linha vai ser operacionalizada pelo Banco de Fomento e esperam que esteja no terreno na segunda quinzena de outubro.

Em relação à linha de crédito, o Secretário de Estado, João Neves, garantiu que não limitações. «O único critério que pode limitar o acesso das empresas é a sua dimensão», afirmou.

PUBLICIDADE

O ministro da economia, António Costa e Silva, há pouco, em conferência de imprensa após a reunião do Conselho de Ministros, em específico, o reforço dos apoios às indústrias intensivas em gás. Esta medida custará 235 milhões de euros e alarga de 400 mil euros para 500 mil euros o teto máximo do apoio à indústria com consumos intensivos de gás, para mitigar o disparo da sua fatura de energia.

A taxa de apoio que cobre a diferença entre os custos com o fornecimento de gás de 2021 e de 2022 também passa de 30% para 40%.

Setor social com pacote de 125 milhões de euros

Para o setor social também vai ser aberta uma linha de crédito, mas de 120 milhões de euros, e uma comparticipação financeira para todo o setor, de cinco milhões de euros. Assim, o pacote para o setor social está avaliado em 125 milhões de euros.

 

LINHA DE CRÉDITO DE RESPOSTA AO AUMENTO DOS CUSTOS

  • Garantia mútua
    • Montante global: €600M
    • Prazo: 8 anos
    • Carência de capital: 12 meses

    • Empresas afetadas por perturbações:
    – Preço da energia
    – Preço das matérias-primas
    – Cadeias de abastecimento

Execução: A partir da 2.ª quinzena de Outubro

(em atualização)

ovilaverdense@gmail.com

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.