REGIÃO

REGIÃO -

Insolvências aumentam 39,5% em Viana do Castelo

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

As insolvências de empresas em Viana do Castelo aumentaram 39,5 em Agosto face ao período homólogo, acumulando uma subida de 10,6% em 2020, enquanto as novas companhias criadas diminuíram 10,2% e quase 30%, respectivamente, divulgou a Iberinform.

No país o aumento nas insolvências em Agosto situou-se em 64,5%, com 199 empresas insolventes, mais 78 que no período homólogo de 2019. No acumulado do ano, o aumento é de 10,6%, com um total de 3.342 insolvências, mais 319 que no mesmo período do ano passado”, refere a filial da Crédito y Caución em comunicado.

Os distritos do Porto e de Lisboa destacam-se com o maior número de insolvências – 836 e 697, respectivamente – o que representa uma subida de 13,1% em Lisboa e de 9,3% no Porto até Agosto, face ao ano anterior.

PUBLICIDADE

Os crescimentos homólogos mais significativos verificaram-se, contudo, em Angra do Heroísmo (+50%), Castelo Branco (+50%), Faro (+43,2%), Viana do Castelo (+39,5%), Évora (+29,6%), Beja (+29,4%), Ponta Delgada (+27,8%), Madeira (+25,4%) e Santarém (+14,7%).

Em sentido inverso, registaram-se decréscimos das insolvências nos distritos da Guarda (-25%), Vila Real (-20%), Coimbra (-19,8%) e Viseu (-1,4%), mantendo a Horta um valor idêntico a 2019: quatro insolvências.

Por sectores, os dados da Iberinform apontam a ‘construção e obras públicas’ como a única atcividade que regista uma diminuição (de 4,4%) no número de empresas insolventes face a 2019.

Já os maiores aumentos encontram-se nas áreas de ‘telecomunicações’ (+66,7%), ‘hotelaria e restauração’ (+29,2%), ‘outros serviços’ (+20,5%), ‘electricidade, gás, água’ (+16,7%), ‘comércio por grosso’ (+15,7%) e ‘comércio de veículos’ (+12,5%).

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS