POLÍTICA

POLÍTICA -

Isabel Carvalhais defende mais segurança e conforto para pesca artesanal

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A eurodeputada Isabel Carvalhais defendeu na sessão plenária do Parlamento Europeu, em Estrasburgo, mais segurança e conforto para a pesca artesanal, que representa cerca de 85% da frota pesqueira da União Europeia.

Falando no plenário sobre ‘A situação da pesca de pequena escala na UE e perspectivas futuras’, lembrando que é a pesca considerada uma actividade de alto risco, em especial para estes 85 % de embarcações costeiras de pequena escala, a parlamentar europeia minhota considerou “fundamental haver um desenvolvimento coordenado de políticas e de medidas que visem mitigar os riscos da actividade pesqueira de pequena escala, aumentar a segurança e o conforto dos pescadores a bordo”.

Paralelamente, Isabel Carvalhais defendeu o desenvolvimento de “soluções tecnológicas que permitam a adaptação das pequenas embarcações às exigências da diminuição da pegada carbónica”.

PUBLICIDADE

Acrescentou que, devido à sua dimensão e às regras da arqueação bruta, as embarcações de pequena escala “dificilmente podem proporcionar espaços de segurança e conforto a bordo, e isso traduz-se em mais riscos óbvios para os seus pescadores”.

A eurodeputada socialista defendeu “a limitação da arqueação bruta para estas embarcações, necessita por isso de ser repensada e adaptada à realidade do sector: à necessidade de melhorar a segurança e condições de trabalho dos pescadores, à necessidade de acomodar alterações técnicas mais compatíveis com a sustentabilidade ambiental dos barcos e à própria necessidade de o sector da pesca de pequena escala conseguir atrair novas gerações de homens e de mulheres”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.