VILA DE PRADO –

VILA DE PRADO – -

José Morais denuncia «crime ambiental» provocado por abate de árvores

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O vereador do PS José Morais denunciou, na sua página de “Facebook”, aquilo que considera ser «um crime ambiental» devido ao abate de árvores de grande porte, realizado esta terça-feira, no centro da Vila de Prado.

«Nada, mas mesmo nada, do que eventualmente venha a ser aqui construído, justifica este crime ambiental. Abate de árvores de grande porte, com largas dezenas de anos, que conferiam ao local um ambiente único», escreveu o vereador.

PROPRIEDADE PRIVADA

PUBLICIDADE

Instado a comentar os factos, o vereador do Ambiente da Câmara de Vila Verde, Patrício Araújo, explicou que as árvores «situam-se em domínio privado, da família Sousa Lima».

Refere ainda que «foram abatidas pelo próprio proprietário», depois de se ter percebido que «já não reuniam as condições fitossanitárias para aguentar mais um Inverno» e que «corriam o risco de cair para a via pública».

De resto, vinca que «deveria existir o cuidado de informar com correcção, ou – no mínimo – recolher informação cabal sobre a situação».

«Quer a Câmara, quer a Junta de Freguesia, quer o proprietário que procedeu ao abate, estariam na disposição de prestar esses esclarecimentos», vinca.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS