VANDALISMO

VANDALISMO -

Mais ecopontos incendiados em Cabanelas e em Dume

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Depois de cinco ecopontos incendiados no mês de março, nos últimos dias arderam mais dois ecopontos, em Dume (Braga) e em Cabanelas (Vila Verde), anunciou esta segunda-feira a Braval, que condena os “atos de vandalismo”.

“É incompreensível que haja quem cometa estes atos de vandalismo que nos prejudicam a todos, destroem bens que são de toda a comunidade, atos que poderiam ter consequências mais desastrosas, caso alastrasse a outros bens”, refere o diretor geral executivo da empresa, Pedro Machado, em comunicado.

O responsável acrescenta que, “numa fase em que a Braval está a reforçar a recolha seletiva com a colocação de 200 ecopontos de superfície e 150 ecopontos subterrâneos, estes atos são um duro golpe neste investimento que tem vindo a ser realizado, significando vários milhares de euros de prejuízo”.

“A Braval tem vindo a denunciar estes atos criminosos que continuam a ocorrer, gorando o esforço de colocação de ecopontos e reforço da rede de recolha seletiva, ficando a população impedida de usar estes equipamentos”, reforça.

Pedro Machado apela à “corresponsabilização dos cidadãos, como exercício da sua cidadania”, sublinhando que “é necessário que, se alguém tiver a mínima certeza de quem são os autores destes crimes, que os denunciem às autoridades”.

“Só assim conseguiremos travar este flagelo de destruição destes bens de todos nós”, conclui.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.