PAÍS

PAÍS -

Ministério Público pede prisão efectiva para ex-presidente de Pedrógão Grande

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O Ministério Público (MP) pediu, esta quinta-feira, a condenação a prisão efectiva do ex-presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Valdemar Alves, assim como do antigo vereador Bruno Gomes, no julgamento sobre a reconstrução das casas após os incêndios de 2017.

«Atenta a quantidade de crimes, a gravidade, as molduras abstractas, a reiteração, achamos que devem ser condenados a penas de prisão efectiva», afirmou a procuradora da República Catarina Lopes nas alegações finais.

PUBLICIDADE

A magistrada admitiu que, caso o tribunal entenda que se trata «apenas de uma resolução criminosa» e opte pela suspensão da pena, «essa suspensão não pode ser só daquelas com pouca eficácia», mas tem de incluir a reposição de montantes monetários.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.