BRAGA

BRAGA -

Museu Virtual da Lusofonia da UMinho vai para a plataforma Google, Arts & Culture

Share on facebook
Share on twitter

O Museu Virtual da Lusofonia, do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS) da Universidade do Minho, vai ser integrado na Google, Arts & Culture, a plataforma online da Google dedicada à cultura.

A Reitoria adiantou esta terça-feira que a cerimónia de apresentação decorre no dia 4 de Setembro, pelas 21h00, no Museu Nogueira da Silva, no centro de Braga.

PUBLICIDADE

O Museu Virtual da Lusofonia é uma das plataformas culturais do CECS, criada para promover a cooperação académica, em ciência, ensino e artes no espaço dos países de língua portuguesa e das suas diásporas. Sendo uma plataforma virtual, – salienta a Universidade – “tem também a pretensão de ser um mecanismo que convide à participação activa dos cidadãos na disponibilização de registos, no comentário às “obras” preservadas no museu e na (re)construção de uma memória coletciva”.

O evento conta com a presença do ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, do reitor da UMinho, Rui Vieira de Castro, da representante da Google Arts & Culture, Helena Martins, e do director do Museu Virtual da Lusofonia, Moisés de Lemos Martins, que é também director do CECS.

A Google Arts & Culture é uma iniciativa sem fins lucrativos que trabalha com instituições culturais e artistas por todo o mundo. A missão desta plataforma é a de preservar e colocar online a arte e a cultura do mundo, para que esta seja acessível a qualquer pessoa, em qualquer lugar.

A cerimónia de apresentação será transmitida em directo no canal do YouTube do Museu Virtual da Lusofonia, assim como no Facebook deste museu e do CECS.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS