VILA VERDE

VILA VERDE -

Nova edição do Boletim Informativo da Câmara Municipal de Vila Verde já se encontra em distribuição

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A nova edição do Boletim Informativo da Câmara Municipal de Vila Verde já se encontra em distribuição. A nova publicação dá principal enfoque ao lançamento da primeira Pedra da Ecovia Cávado-Homem e da Ponte Pedonal e Ciclável de Vila Verde a Amares. Outro dos destaques do boletim é a cerimónia de Lançamento da primeira Pedra do Centro de Promoção da Gastronomia e Ciências Gastronómicas de Vila Verde.

Neste boletim poderão encontrar, ainda, toda a restante actividade municipal e concelhia dos últimos meses.

Nesta edição, o Presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela, foca na sua mensagem o actual estado da pandemia referindo que «o combate à pandemia tem vindo e vai continuar a revelar-se nuclear nos esforços dos poderes públicos e os municípios voltam a demonstrar o seu insubstituível papel no efetivo e atempado apoio às populações».

PUBLICIDADE

O autarca sublinha que «a par de uma grave crise sanitária, estamos perante uma crise económico-social que se adensa, que não pode deixar de suscitar grandes preocupações e principalmente que reclama políticas e medidas consistentes que ajudem acima de tudo quem mais precisa».

PLANO DE RECUPERAÇÃO E RESILIÊNCIA

Na nota introdutória, António Vilela abria também a temática do Plano de Recuperação e Resiliência, que segundo ele «surgiu precisamente para criar as condições necessárias para que os setores e as regiões do país mais afetados pela crise pandémica possam fazer face às dificuldades e, porque não há tempo a perder, iniciar um sólido e absolutamente necessário processo de revitalização».

O Presidente da Câmara frisa por último que «o Município de Vila Verde não pode conformar-se com a constatação de que projetos de vital importância para o crescimento económico local, como a construção da variante à sede concelhia, voltem a ser esquecidos pelo poder central».

No que refere ao apoio social e económico o edil diz «Porque as coesões territorial e social não se apregoam, mas se praticam com medidas concretas de apoio aos territórios mais periféricos, às famílias e às empresas, contrariamente à inoperância do poder central, o Município de Vila Verde avançou com um conjunto de medidas de imediato apoio às pessoas numa situação de maior vulnerabilidade social e à economia local, implementando uma série de isenções e reduções fiscais que aliviam significativamente os encargos dos Vilaverdenses, principalmente daqueles que enfrentam maiores dificuldades.»

Para aceder ao conteúdo da publicação aceda em: http://www.cm-vilaverde.pt/documents/20181/500864/BOLETIM24_VF_FINAL+-+12.4.2021.pdf/0ee61906-4b63-425f-bd76-6b160856a987

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS