SAÚDE

SAÚDE -

Número diário de mortes por covid-19 é o mais baixo desde o início do mês em Portugal

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Estão confirmadas 948 mortes devido à covid-19 em Portugal, mais 20 nas últimas 24 horas, o número mais baixo desde 6 de Abril, dia em que foram registadas 16 mortes.

Há 295 novos casos de contágio, elevando para 243.22 o número de pessoas infectadas pela doença, segundo o último boletim epidemiológico da Direcção-Geral da Saúde.

PUBLICIDADE

Até ao momento 1.389 pessoas conseguiram recuperar, mais 32 desde o último balanço.

Há 29.559 pessoas em vigilância pelas autoridades de saúde e 3.563 aguardam resultado laboratorial para saber se estão, ou não, infectadas. Foram também registados até agora 211.180 casos em que o resultado dos testes foi negativo.

A DGS indica ainda que 936 doentes estão internados em hospitais, 172 dos quais em unidades de cuidados intensivos, segundo informações reportadas pelos Hospitais, Administrações Regionais de Saúde e Regiões Autónomas. A grande maioria dos doentes contagiados está a recuperar em casa.

No que toca aos óbitos, 546 foram registados no Norte, 194 no Centro, 185 na região de Lisboa, 12 no Algarve, um no Alentejo.

Os Açores voltaram a não registar novos casos positivos de covid-19, pelo sexto dia consecutivo, mas as mortes subiram para 11, com o óbito de uma mulher de 78 anos, havendo ainda o registo de mais três recuperados.

O arquipélago da Madeira continua a não registar vítimas mortais.

Entre os casos de contágio há mais doentes do sexo feminino (14393 mulheres e 9929 homens contraíram Covid-19). A maioria das pessoas que morreram depois de terem infetados pelo novo coronavírus tinham mais de 80 anos (641 casos).

Os dados da DGS precisam que o concelho de Lisboa é o que regista o maior número de casos de infecção pelo coronavírus (1.413), seguido por Vila Nova de Gaia (1.263), Porto (1.211), Braga (1.019), Matosinhos (1.017), Gondomar (966), Maia (826), Valongo (700), Sintra (568), Ovar (564), Guimarães (507) e Coimbra, com 401 casos.

O Norte é a região que regista o maior número de casos de contágio confirmados (14702), seguida de Lisboa e Vale do Tejo (5593), da região Centro (3289), do Algarve (330) e do Alentejo (201). Há 121 casos nos Açores e 86 na Madeira.

COVID-19 NO MUNDO

A pandemia da Covid-19 já matou 208.973 pessoas e infectou quase três milhões em todo o mundo desde Dezembro, segundo um balanço da agência AFP às 20h00 de segunda-feira, baseado em dados oficiais.

De acordo com os dados recolhidos pela agência noticiosa francesa, às 19h00 TMG (20h00 em Lisboa) 2.997.540 casos de infecção foram até agora oficialmente diagnosticados em 193 países e territórios desde o início da epidemia, em Dezembro de 2019 na província chinesa de Wuhan.

A AFP alerta que o número de casos diagnosticados reflecte apenas uma fracção do número real de infecções, já que um grande número de países está a testar apenas os casos que requerem tratamento hospitalar. Entre esses casos, pelo menos 818.700 são considerados curados.

Os países com mais novos óbitos são os Estados Unidos, com 1.388 novas mortes, a França (437) e o Reino Unido (360).

Os Estados Unidos, que tiveram a sua primeira morte ligada ao coronavírus no início de Fevereiro, são o país mais afectado em termos de número de mortes e de casos, com 55.563 óbitos em 979.077 casos. Pelo menos 107.526 pessoas foram declaradas curadas pelas autoridades de saúde norte-americanas.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afectados são a Itália, com 26.977 mortes, em 199.414 casos, a Espanha, com 23.521 mortes (209.465 casos), a França, com 23.293 mortes (165.842 casos) e o Reino Unido, com 21.092 mortos (157.149 casos).

Entre os países mais atingidos, a Bélgica é o que tem o maior número de mortes em comparação com a sua população, com 622 mortes por milhão de habitantes, seguida por Espanha (503 mortes por milhão de habitantes), por Itália (446), França (357) e Reino Unido (310).

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) contabilizou oficialmente um total de 82.830 casos (três novos entre domingo e segunda-feira), incluindo 4.633 mortes (um novo óbito) e 77.474 curas.

A Europa totalizava 126.223 mortes, para 1.393.779 casos, os Estados Unidos e o Canadá 58.344 mortes (1.027.306 casos), a América Latina e Caribe 8.311 mortes (169.916 casos), a Ásia 8.117 mortes (206.538 casos), o Médio Oriente 6.411 mortes (159.358 casos), África 1.458 mortes (32.625 casos) e a Oceânia 109 mortes (8.023 casos).

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS