CULTURA –

CULTURA – -

‘Pré-História Recente da Serra do Carvalho’ vence Prémio Manuel Monteiro

Share on facebook
Share on twitter

O trabalho de investigação ‘A Pré-História Recente da Serra do Carvalho – Uma abordagem a Partir do Núcleo de Monumentos sob Tumuli Vale de Chão, Pedralva’, da autoria de Luciano Miguel Matos Vilas Boas, é o vencedor da II edição do Prémio de História Local Dr. Manuel Monteiro.

Este prémio, que pretende honrar a memória daquele ilustre escritor, arqueólogo, etnólogo, magistrado, diplomata e crítico de arte bracarense, nasceu com o propósito de «fomentar o interesse dos investigadores pela história de Braga».

O júri, constituído por Maria do Carmo Franco Ribeiro, Miguel Sopas Bandeira e Armando Malheiro da Silva, considerou o trabalho vencedor como um «contributo significativo para o estudo e aprofundamento de um âmbito específico da história de Braga», tendo exposto com «clareza, rigor e particular capacidade de argumentação» o seu raciocínio.

PUBLICIDADE

Recorde-se que o valor do prémio é de 2.500 euros, ao qual acresce a publicação da obra vencedora. Por sua vez, os trabalhos distinguidos com menção honrosa terão reservada a possibilidade de publicação na Revista Bracara Augusta.

Esta segunda edição deste prémio bienal, que contou com cinco trabalhos a concurso, destinava-se a cidadãos de nacionalidade portuguesa, maiores de idade, residentes ou não na área do município de Braga. As temáticas a apresentar deveriam ser de teor historiográfico relativos a Braga – a nível administrativo, antropológico, patrimonial, político, económico, cultural, artístico, religioso ou outros.

A entrega do Prémio Manuel Monteiro decorre numa sessão pública agendada para 25 de Setembro, no âmbito das Jornadas Europeias do Património.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS