AUTÁRQUICAS

AUTÁRQUICAS -

«Programa eleitoral ambicioso, exequível e direcionado para o futuro»

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A candidata pelo PSD à Câmara Municipal de Vila Verde, Júlia Fernandes, sublinhou esta manhã na sessão de apresentação do Programa Eleitoral, que este é «ambicioso e exequível para os quatro anos e anos seguintes», pois «não se esgota» e está «direccionado para o futuro». De entre as várias áreas que serão aposta, Júlia Fernandes realçou que o programa se «estrutura em dois pilares fundamentais, o “crescimento económico, inovação e emprego” e ainda a “coesão social”».

«A melhoria das infraestruturas e acessibilidades das zonas empresariais existentes; o apoio à criação de novas áreas de implantação empresarial e ainda o alargamento das redes 5G a todas as áreas de acolhimento empresarial», são alguns dos compromissos que constam do Programa referentes ao ”primeiro pilar”.

Quanto ao segundo, referente à coesão social, Júlia Fernandes afirmou que «as pessoas são a prioridade. São elas o centro da nossa acção», enunciando duas das medidas que pretende implementar, a «criação do Gabinete para a Infância e Famílias» e ainda o «”Brinde Bebé”, para oferta de um cabaz de produtos para a primeira infância».

PUBLICIDADE

INFRAESTRUTURAS DO CONCELHO

Para a candidata, o investimento nas infraestrurutas do Concelho mostra-se também como um dos aspectos fulcrais do Programa, que expõe «investimento e reforço das infraestruturas de captação, tratamento e distribuição de agua; investimento na ampliaçao da rede de saneamento básico; melhoria da recolha de resíduos sólidos urbanos e reforço da rede de ecopontos e alargamento das redes de fibra óptica a todas as freguesias do concelho».

EDUCAÇÃO

Segundo Júlia Fernandes, a Educação «continuará a ser uma das fortes apostas» desta Governação. «Pretendemos apostar na requalificação de duas escolas, a Escola Monsenhor Elísio Araújo e a Escola Básica 2,3 da Ribeira do Neiva, escolas essas que nunca foram intervencionadas e alvo de uma requalificação».

Já o Ensino Superior, a meta passa por «introduzi-lo em Vila Verde e criar a escola superior de gastronomia e ciências gastronómicas, que se encontra em fase de conclusão (antiga escola primária de vila verde)».

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS