Projeto CHEGA – Seminário Final

Projeto CHEGA – Seminário Final

O Projeto CHEGA, ao longo dos últimos dois anos, dinamizou em parceria com o Município de Vila Verde uma série de atividades neste concelho, tendo como objetivos apoiar vítimas de violência doméstica, promover boas-práticas para a igualdade e intervenção na violência de género e ainda sensibilizar os jovens para a não-violência no namoro, prevenindo assim situações futuras de risco.

Sendo assim, e como forma de sinalizar o dia 25 de Novembro – Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres, no passado dia 23 de novembro foi concretizado o Seminário Final do Projeto CHEGA, intitulado “VIOLÊNCIA NAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS: QUANDO O AMOR NÃO CHEGA!”, que teve por objetivos propor ao público um conjunto de reflexões à volta do tema associado ao “amor” e a “violência” com oradores convidados de instituições de renome: Escola de Psicologia da Universidade do Minho – Dra. Ângela da Costa Maia; CIG – Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género – Dr. Manuel Albano; GNR NIAVE – Núcleo de Investigação e de Apoio a Vitimas Específicas do Comando Territorial de Braga – Dr. Paulo Correia; UMAR  –  União de Mulheres Alternativa – Dr.ª Ana Teresa Dias.

O seminário teve ainda por objetivo a divulgação dos resultados alcançados com o projeto tendo em conta as atividades executadas. Até à data do seminário, o projeto CHEGA apoiou 94 vítimas de diferentes concelhos no Gabinete de Apoio à Vítima de Violência Doméstica ao longo de 487 atendimentos efetuados e concretizou 2 Grupos de Ajuda Mútua – GAM – junto de 14 mulheres vítimas de violência doméstica; foram realizadas 21 sessões de sensibilização sobre Violência no Namoro a 473 agentes educativos; dinamização de 50 ações/workshops em escolas e comunidade em geral sobre a temática da Igualdade de Género e Violência de Género abrangendo um público de 2.587 pessoas; criação de instrumento de prevenção da Violência no Namoro – Jogo/Kit Pedagógico “CHEGA para AQUI, CHEGA para LÁ!” – e realização de 146 sessões de aplicação deste jogo a 2.720 jovens; e ainda a criação de um grupo de trabalho, denominado Conselho Consultor, constituído por entidades chave locais e subsequentes assinaturas de protocolos de colaboração com 10 parceiros no âmbito da intervenção da problemática da violência doméstica.

PUBLICIDADE

Todas as atividades realizadas pelo CHEGA foram monitoradas e avaliadas por uma entidade externa ao projeto, cujas conclusões até ao momento foram bastante positivas ao nível do impacto alcançado e das expectativas e objetivos delineados para a concretização das suas ações.

De recordar que o Projeto CHEGA foi co-financiado pelo Programa Operacional Inclusão Social e Emprego – POISE, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Social Europeu – FSE, sendo a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG) o Organismo Intermédio e dinamizado em parceria com o Município de Vila Verde.