REGIÃO

REGIÃO -

PS acusa Paulo Cunha de trocar interesses de Famalicão pela candidatura à Câmara do Porto

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Concelhia de Famalicão do PS acusou esta sexta-feira Paulo Cunha de pôr “a sua ambição” de se candidatar ao município do Porto à frente do concelho.

Segundo a rádio Cidade Hoje, o líder dos socialistas, Eduardo Oliveira, acusa Paulo Cunha, presidente da autarquia, eleito pela coligação ‘Mais Acção, Mais Famalicão, formada pelo PSD e do CDS/PP, de deixar os famalicenses “órfãos de uma liderança local adequada aos desafios da pandemia”.

Acusam ainda ao autarca de “interferir e decidir o futuro da candidatura do PSD ao município do Porto” e de “não estar focado” nos problemas do concelho.

PUBLICIDADE

Eduardo Oliveira culpa ainda o autarca de procurar “obter maior relevância política pessoal” ao promover “ataques gratuitos ao governo”, sublinhando que o caminho de Cunha em nada ajuda a população de Famalicão.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS