AUTÁRQUICAS

AUTÁRQUICAS -

Ricardo Rio garante cumprir mandato até ao fim e não revela escolhas para os pelouros

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Ricardo Rio garante cumprir integralmente o seu terceiro e último mandato como presidente da Câmara Municipal de Braga e afirma que já tem em mente “algumas opções” para os pelouros, sem revelar quais.

O líder da coligação ‘Juntos por Braga’ (PSD/CDS/PPM/Aliança), admite que “ninguém gosta de perder”, referindo-se ao facto de ter perdido um vereador. Lembra, no entanto, que com maioria absoluta continua a ter as condições de governabilidade do município asseguradas.

“Fiquei triste com a perda de um vereador e sobretudo porque tenho a certeza que Teotónio dos Santos seria um excelente vereador e uma mais-valia para o executivo municipal”, admitiu o autarca reeleito, em declarações ao jornal Correio do Minho.

PUBLICIDADE

Recorde-se que a coligação garantiu a eleição de Ricardo Rio, Altino Bessa, Sameiro Araújo, Olga Pereira, João Rodrigues e Carla Sepúlveda, esta última uma estreia no executivo liderado por Rio.

Quanto à distribuição de pelouros, o autarca social-democrata já tem “algumas opções tomadas”, mas só nos próximos dias é que vai avaliar a distribuição dos pelouros “de acordo com o perfil” de cada eleito. Mas não avança quais são essas escolhas, garantindo que vai “exigir que sejam verdadeiros motores da concretização do projecto da coligação”. Avança que Teotónio dos Santos continua administrando dos TUB.

Rio aponta para um terceiro e último mandato “muito ambicioso, com muito investimento e concretização de obras”. 

“Nós nunca governamos para as eleições”, afirma, realçando que é após a votação que vão arrancar muitos investimentos que estavam a ser projectados, nomeadamente nas freguesias, parque escolar, na rede viária, em equipamentos culturais e em muitas outras iniciativas que vão ser materializadas”.

Questionado sobre o facto de coligação ‘Juntos Por Braga’ ter perdido a liderança de cinco freguesias, Ricardo Rio lamentou “enquanto responsável político”, apontando ao diário bracarense, que no caso de uma delas, São Victor, acabou por ser o antigo presidente eleito pela Coligação quem venceu numa candidatura independente. 

Lamentando ainda a perda de cinco freguesias, Rio também realça que Juntos por Braga conquistou aos socialistas duas freguesias emblemáticas, uma delas Tadim, que pela primeira vez vai vestir laranja.

Já a UF de Celeirós, Aveleda e Vimieiro, Rio realça que a Câmara sempre teve boa relação com o até agora presidente, mas admite que está muito feliz pela conquista liderada por Carlos Guimarães.

O líder da Coligação comentou também o facto de esta força política ter perdido eleitos na Assembleia Municipal. 

“Era esperado. Temos de ter em atenção que estavam oito listas a concorrer”, realça, lembrando que matematicamente a coligação pode ter mais deputados, mas acaba por conseguir a maioria pelos mandatos dos seus presidentes de Junta.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.