PAÍS

PAÍS -

Venda de água nos supermercados ‘disparou’ entre 20% e 50% face à onda de calor

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A onda de calor que Portugal está a enfrentar nos últimos dias tem levado a um aumento do consumo de água e de outras bebidas por parte dos portugueses, com as cadeias de distribuição a relatarem que, em alguns supermercados, as vendas dispararam mais de 50% em relação ao mês anterior, mas não preveem rupturas de stock.

De acordo com uma fonte oficial do Lidl, «face ao calor que se tem vindo a sentir de norte a sul do país, a procura por bebidas refrescantes tem aumentado, tanto nas águas, como nos sumos, refrigerantes e néctares».

Nesta cadeia alemã, a procura por estas bebidas registou um «aumento significativo»: existiu um crescimento de 56% das vendas de água, face a Junho deste ano, e de 26% na comercialização de outras bebidas não alcoólicas, igualmente numa comparação em cadeia.

PUBLICIDADE

Por sua vez, a empresa Mercadona aponta para «um um crescimento na casa dos 30%» no que toca às vendas de garrafões de água, algo «que acontece de forma generalizada em todas as lojas» da marca espanhola.

Já a Auchan Retail Portugal reporta um aumento global nas vendas superior a 20% face ao ano anterior, revelando que «o maior crescimento se verificou na Beira Interior».

Este cenário é semelhante nas lojas Continente, com vários relatos desde o início do mês que apontam um aumento de 20% em volume da procura por bebidas refrescantes, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Apesar do aumento significativo da procura por águas e outras bebidas, a generalidade dos supermercados garante não ter sofrido com rupturas de stock.

Com a Europa a enfrentar uma onda de calor que está a afectar vários países, as temperaturas elevadas aumentaram o risco de incêndios florestais em Portugal, o que levou o Governo a prolongar a situação de alerta até às 23h59 desta quinta-feira.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.