OPINIÃO - 3ºCongresso Intermunicipal sobre protecção de crianças e jovens

OPINIÃO -
3ºCongresso Intermunicipal sobre protecção de crianças e jovens

Artigo: CPCJ de Vila Verde

 

As Comissões de Proteção de Crianças e Jovens de Vila Verde, Barcelos, Esposende e Vila Nova de Famalicão, com o apoio dos respetivos Municípios, irão promover, em conjunto, o 3º CONGRESSO INTERMUNICIPAL SOBRE PROTEÇÃO DE CRIANÇAS E JOVENS, o qual terá lugar nos próximos dias 17 e 18 de outubro de 2019, no Auditório Municipal de Barcelos.

PUBLICIDADE

À semelhança das anteriores edições, o evento procurará, através da presença de diversos especialistas, fomentar o aprofundamento de conhecimentos e a partilha e análise de práticas no âmbito da proteção da infância e da juventude, bem como promover o espírito de articulação e a concertação interinstitucional neste domínio. De entre as personalidades confirmadas, destaca-se a presença de altos representantes dos Municípios envolvidos na organização, da Presidente da Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens, Rosário Farmhouse, do Juiz Conselheiro Jubilado, Armando Leandro, do Procurador da República Jubilado, Rui do Carmo, da Coordenadora do Gabinete da Família, da Criança e do Jovem da Procuradoria-Geral da República, Helena Gonçalves, do Presidente do Conselho de Deontologia do Porto da Ordem dos Advogados, Francisco Vellozo Ferreira, do Diretor do Centro Distrital de Braga do Instituto da Segurança Social, I.P., João Ferreira, bem como de representantes de entidades tão diversas como a Polícia Judiciária, a Associação para o Planeamento da Família, o Centro Hospitalar do Porto, a Junta de Andaluzia e a Diputación Provincial de Cádiz, e vários professores e investigadores das universidades do Minho, do Porto, de Aveiro, da Nova de Lisboa, da Católica, do Instituto Superior Miguel Torga, do ISMAI, e do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar.

O congresso visa, em particular, a participação de profissionais cujas funções contemplem a intervenção e/ou investigação com crianças e jovens em risco ou perigo e suas famílias. Será composto por diversas conferências e sessões temáticas orientadas para os domínios dos direitos das crianças, da justiça, dos media, da parentalidade, dos perigos e vitimação no espaço virtual, da avaliação do risco familiar, do tráfico de seres humanos, das crianças refugiadas, assim como para novas formas de intervenção pessoal e familiar, tais como a musicoterapia, o mindfulness, o storytelling, o psicodrama e o sociodrama.

O Programa e condições de inscrição no evento podem ser consultadas na página oficial, em https://3cipcj.wixsite.com/2019.

Contamos com a sua presença!