REGIÃO -

REGIÃO - -

Albergue de Peregrinos da Recoleta ganha extensão

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A extensão do Albergue Municipal Casa da Recoleta, para peregrinos do Caminho de Santiago, localizada no edifício da antiga escola primária e jardim-de-infância de Tamel S. Pedro Fins, está equipado com 20 novos beliches e serve para acolher grupos de peregrinos e dar resposta à procura, sobretudo em época alta, quando o Albergue Municipal, com capacidade para 42 pessoas, fica muitas vezes, lotado.

O Município adiantou que, para melhorar os serviços prestados aos peregrinos, o edifício conta com lavandaria, cozinha e internet, estando equipado com máquinas de lavar e secar roupa.

A vice-presidente da Câmara Municipal, Armandina Saleiro esteve presente, sexta-feira, 16 de agosto na abertura do espaço, que, até aqui, se encontrava desocupado.

PUBLICIDADE

Para a autarca “foi completada mais uma etapa importante nos Caminhos de Santiago, não só para os peregrinos, mas para o turismo e a cultura afirmando Barcelos como seu ponto de passagem obrigatório”.

Desde a Idade Média que Barcelos se tornou ponto de passagem obrigatória dos que seguiam velhas e seculares vias que os conduziam à obtenção da indulgência, simbolizada por Compostela, sublinhou.

O novo espaço de acolhimento para os que seguem o Caminho vem fazer face à grande afluência de peregrinos naquele albergue onde por já passaram mais de 43 mil pessoas de 100 nacionalidades, desde a sua abertura em 2010.

O Albergue está instalado na antiga Casa da Recoleta, fundada nos finais do século XVII, por um eremita chamado Belchior da Encarnação.

Serviu para recolhimento de padres e de leigos. Em 1742, passou a Casa e as propriedades para a Ordem Terceira de S. Francisco, mas, em 1750, foi extinta e a Casa doada ao Arcebispo de Braga. Depois, foi vendida a particulares.

Como a Ordem dos Franciscanos praticava a assistência, é natural que a Casa da Recoleta tenha servido de local de pernoita aos peregrinos de Santiago.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS