EDIÇÃO IMPRESSA –

EDIÇÃO IMPRESSA – -

António Vilela abre espaço a José Manuel Lopes na corrida com Júlia Fernandes à sucessão

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Tal como se adivinhava, a cerca de dois anos das eleições autárquicas e com uma sucessão complexa em mãos, o PSD de Vila Verde vive a fase das escolhas. Júlia Fernandes, o maior activo político do partido a seguir a António Vilela, parecia partir na “pole-position” e a caminhada até ao triunfo final não apresentava opositores de “peso”. O arrastar do processo ajudou a consolidar esta ideia, mas a saída de António Vilela de cena (no que respeita à liderança do PSD) e a consequente assunção de José Manuel Lopes à presidência do partido vieram “baralhar a corrida”. A esperada reacção do cervanense Hélder Forte, o assumido “anti-sistema”, acrescentou mais “pimenta” ao processo. Afinal, a corrida à sucessão de António Vilela ganha novos contornos e não parece tão líquido, ou pacífico, o processo de escolha do candidato. Os Presidentes de Junta, grandes “corredores por fora” desta “luta titânica interna”, estão à espera e já se (re)posicionam.

Mais desenvolvimentos na edição impressa de Dezembro de 2019, nas bancas.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.