MOBILIDADE -

MOBILIDADE - -

Câmara de Vila Verde vota, esta manhã, tarifário reduzido para os transportes públicos.

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Câmara de Vila Verde vota, esta manhã, a proposta de tarifário reduzido para os transportes públicos. Uma proposta que comtempla um limite máximo de 20€ para todos os passes sociais, anuncia a autarquia, em nota enviada à nossa redacção.

«A proposta tem o intuito de diminuir o valor de todos os passes sociais dos transportes rodoviários, com origem na área do Município e com destino nos distritos de Braga e Viana do Castelo, para um limite máximo de 20€», esclarece ainda a edilidade.

PUBLICIDADE

Esta proposta está enquadrada nos objetivos do Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos (PART) «de fomento dos transportes coletivos e de garantia de uma maior acessibilidade económica ao transporte público, concorrendo, assim, para uma maior qualidade ambiental e para reduzir as despesas familiares neste capítulo».

Na proposta, consideram que o transporte individual é responsável pela emissão de mais de um quarto dos gases com efeito de estufa, «revelando-se importante promover uma mudança de paradigma, alterando os padrões de mobilidade das populações através de uma maior utilização dos transportes públicos».

Na mesma nota enviada à nossa redacção, a Câmara Municipal de Vila Verde diz pretender «aproveitar este programa para levar a bom porto uma política pública de mobilidade tendente a reforçar as coesões territorial e social, no concelho de Vila Verde».

No pressuposto de que «os hábitos de mobilidade devem ser criados e incrementados, em especial, no público juvenil e universitário», a maioria social-democrata da Edilidade vilaverdense propõe-se alargar a gratuitidade do transporte escolar ao ensino universitário, para todos os alunos contemplados com bolsa de estudo, sendo que aos demais estudantes o Município comparticipará os custos de deslocação, de modo a que os encargos com os respetivos passes rodoviários tenham também um custo máximo de 20€.

[email protected]

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS