LAGE –

LAGE – -

Carlos Pedro responde ao PS. «Há problemas muito mais graves do que o lixo»

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O Presidente da Junta da Freguesia da Lage, Carlos Pedro, entende que «há questões muito mais graves para serem tratadas» em reunião de Câmara do que os problemas do lixo.

«Quem me dera que essa importância dada ao ecoponto fosse dada também ao saneamento, ao complexo de lazer ou ao complexo desportivo», atira.

Esta é a resposta do autarca da Lage ao comunicado emitido esta quarta-feira pelos vereadores do PS na Câmara de Vila Verde, acerca da instalação do contentor subterrâneo para lixo orgânico na Rua Barromau, no Loteamento do Penedo, que consideram ter sido uma má medida.

PUBLICIDADE

Ao jornal “O Vilaverdense”, Carlos Pedro diz que «basta haver uma pessoa que não faça a seriação correctamente para denegrir a imagem de uma freguesia e a imagem das pessoas que nela moram».

«As pessoas dessa zona não admitem a situação, e com razão, mas também somos os principais interessados em fazer com que a freguesia esteja limpa. Mau era se assim não fosse», frisa.

Carlos Pedro defende que «há muita população a utilizar aquele ecoponto e ainda para mais está perto da estrada nacional, o que leva a crer que não deverão ser só os moradores a utilizá-lo».

«Num Concelho com tantos problemas graves noutras áreas, esta questão foi motivo para discussão em reunião de Câmara. Acho que faz sentido, mas há problemas maiores», frisa.

A Lage tem, segundo o autarca, «um problema muito maior, o saneamento, e não foi levado a reunião de Câmara».

«Foi levada a questão do ecoponto, porque na quinta-feira foi lá colocado lixo de forma incorrecta. Isto resolve-se, mas há situações e outros problemas maiores que abrangem toda a Freguesia», reforça.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS