VILA VERDE

VILA VERDE -

Chega teme que festival sirva para «propagar» a pandemia em Vila Verde

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O vereador do Chega na Câmara de Vila Verde, Fernando Silva, mostra-se contra a realização de um festival de música, na Praça de Santo António, considerando que «irá servir para uma propagação mais efectiva e rápida» da Covid-19.

«Estava de passagem e deparei-me com esta tenda frente ao Tribunal e Biblioteca, perguntei se estavam a instalar para vacinação contra o Covid-19 devido ao aumento de casos nos últimos dias (hoje contamos com mais 3 mil novos infectados). Pelos vistos, esta tenda irá servir para uma propagação mais efectiva e rápida no nosso concelho», refere.

PUBLICIDADE

O vereador alude à realização do festival de música “Vila Verde Re-Anima”, que vai decorrer entre sexta-feira e domingo, numa tenda gigante.

«No entanto, deixei de acreditar nessas estatísticas e confesso que estou saturado de ouvir as palavras pandemia e Covid. Não devemos permitir que nos sejam impostas medidas restritivas prejudicando o comércio e nossas liberdades quando outros abusam do poder e promovem festas nesta altura. Quanto aos gastos, falta saber se vão ser os contribuintes a suportar ou se há favores a pagar pelo meio», frisou.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS