PAÍS (destaque)

PAÍS (destaque) -

Chegou o novo cartão de cidadão com tecnologia contactless

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O novo Cartão de Cidadão começou a ser emitido esta segunda-feira, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades. O documento vai ter a fotografia de rosto maior para facilitar a identificação com o portador e o chip será incorporado no verso do documento. «Mais completo, seguro e mais digital», o novo Cartão do Cidadão vai incorporar a tecnologia contactless, como já acontece com os cartões bancários, simplificando a leitura de informação.

No futuro poderá ser possível usar o documento como título de transporte ou como bilhete eletrónico para espetáculos.

Na prática, o novo cartão inclui um chip sem contacto (contactless) – tecnologia disponível na generalidade dos cartões bancários -, dispensando a utilização de leitores de cartões para fazer a leitura dos dados. A dispensa desta tecnologia vai permitir a utilização do documento em mais serviços públicos e no setor privado. Fisicamente, o documento tem algumas alterações no design, uma vez que o chip passa para o verso e a fotografia e o tamanho da letra são maiores.

Quanto à renovação integral do parque de quiosques biométricos, no âmbito dos investimentos do PRR, o Instituto de Registos e Notariado observa que o processo «está em fase final do levantamento de especificações técnicas alinhadas com elevados padrões de qualidade e segurança que são exigidos”»notando ainda uma atualização do valor do investimento. O Instituto refere que este desenvolvimento vai permitir a “existência de quiosques com diferentes modelos e com possibilidade de atendimento self-service para renovação dos documentos de identificação.

O novo cartão também já disponibiliza um «uma interface sem contacto que pode ser utilizada para a implementação de diversos casos de uso», nomeadamente como título em transportes públicos ou para ser usado como bilhete eletrónico em espetáculos.

Compete agora a estes prestadores de serviços a adoção da nova tecnologia. «Para permitir que as entidades possam criar essas soluções e desenvolver serviços que tirem partido das novas funcionalidades do cartão de cidadão, já está disponível um kit de software», vinca o Instituto de Registo e Notariado.

Desde maio de 2021 que é possível fazer a renovação automática do cartão de cidadão, se não precisar de alterar dados, evitando deslocações desnecessárias aos serviços do IRN. Tem um custo de 16,20 euros. O primeiro cartão para crianças até um ano é gratuito.

ovilaverdense@gmail.com

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.