TEMPO

TEMPO -

Chuva intermitente com alertas para o fim-de-semana em Vila Verde

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Depois de uma noite e madrugada mais agitadas, o início da manhã ainda terá alguns períodos de precipitação forte em Vila Verde. A manhã e tarde de sábado serão mais tranquilas. Mantém-se, contudo, a chuva, embora com algumas abertas, de acordo com as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O fim-de-semana será, porém, de muito instabilidade atmosférica, devido à passagem da superfície frontal fria associada à depressão Domingos.

A Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil (ANEPC) emitiu, ainda ontem, um aviso à população relacionado com o mau tempo que se irá fazer sentir no fim-de-semana.

Já a Agência Portuguesa do Ambiente diz que que a situação «mais crítica» no que se refere a inundações em zonas que não urbanas é a bacia hidrográfica do rio Cávado.

Em comunicado enviado às redacções, os responsáveis começam por relembrar que as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera apontam para o fim-de-semana será, em geral, de «precipitação, por vezes forte, vento, agitação marítima e queda de neve»

CONSELHOS

O aviso da ANEPC dá ainda conta dos efeitos expectáveis perante a situação que deverá decorrer ao longo das próximas 48 horas, que são:

  • A ocorrência de inundações em zonas urbanas, causadas por acumulação de águas pluviais por obstrução dos sistemas de escoamento ou por galgamento costeiro;
  • A ocorrência de cheias, potenciadas pelo transbordo do leito de alguns cursos de água, rios e ribeiras;
  • À instabilidade de vertentes, conduzindo a movimentos de massa (deslizamentos, derrocadas e outros) motivados pela infiltração da água, fenómeno que pode ser potenciado pela remoção do coberto vegetal na sequência de incêndios rurais, ou por artificialização do solo;
  • A piso rodoviário escorregadio devido à possível formação de lençóis de água ou à acumulação de gelo e/ou neve;
  • Possíveis acidentes na orla costeira, devido à forte agitação marítima;
  • Ao arrastamento para as vias rodoviárias de objectos soltos, ou ao desprendimento de estruturas móveis.

ovilaverdense@gmail.com

PUBLICIDADE

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.