VILA VERDE

VILA VERDE -

COVID 19. Acção Social do Município de Vila Verde já apoiou 110 famílias carenciadas

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Os serviços de Acção Social do Município de Vila Verde avançam que a autarquia já apoiou 110 famílias carenciadas durante este período crítico da pandemia Covid-19. De acordo com nota daquele organismo, foram abrangidas 252 pessoas no total, com entrega de bens alimentares.

Sobre o trabalho desenvolvido nas últimas três semanas, pode ler-se ainda, em nota enviada, que o Serviço de Acção Social «assegurou a entrega de receitas médicas e medicamentos a pessoas idosas e doentes crónicos (numa acção desenvolvida em articulação com os Serviços de Saúde e os Presidentes de Junta do Concelho); atendeu e deu acompanhamento a 474 casos de pedidos de ajuda através da linha telefónica de apoio social; garantiu o acompanhamento dos idosos isolados integrados no Projecto Idade Maior (com as técnicas da Cruz Vermelha do Centro Comunitário de Prado e a GNR); providenciou a monitorização dos Seniores Activos (com a intervenção dos professores de Educação Física integrados no Projecto); contactou com as IPSS do Concelho e entregou material de protecção individual às mesmas, assim como ao Centro de Saúde e aos Bombeiros Voluntários e participou com o Banco Alimentar contra a Fome de Braga numa iniciativa de recolha e posterior entrega de fruta às IPSS».

DISPONIBILIZAÇÃO DE ALOJAMENTOS LOCAIS

PUBLICIDADE

Os Serviços asseguraram também «contactos para a disponibilização de alojamentos locais para o acolhimento de profissionais essenciais e de possíveis casos que necessitem de isolamento e não possam regressar às suas casas», em articulação com a técnica da saúde.

PAPEL DAS ESCOLAS

Neste trabalho conjunto de solidariedade e acção social perante os efeitos da pandemia Covid-19 na população, os Agrupamentos de Escolas do Concelho têm «garantido acolhimento, em caso de necessidade, aos filhos de funcionários de saúde e outras profissões mobilizadas para o combate à pandemia» e «centralizado na EB 2 e 3 de Vila Verde o refeitório referência para as refeições aos alunos de Escalão A, estando neste momento a ser fornecidas seis refeições diárias a crianças de famílias referenciadas».

«MOMENTO DIFÍCIL EM QUE SÓ UM TRABALHO EM REDE E DE CONJUGAÇÃO DE ESFORÇOS PERMITE CHEGAR A TODOS»

Em comunicado, a Vereadora da Acção Social do Município de Vila Verde, Júlia Fernandes, sublinha que «este é um momento particularmente difícil em que só um trabalho de rede e de conjugação de esforços nos permite chegar a todos e não deixar ninguém para trás», destacando ainda o «trabalho dos Presidentes de Junta» neste acompanhamento de proximidade e de atenção permanente a quem mais precisa, das «IPSS, que têm desenvolvido um trabalho extraordinário com os idosos» e o «contributo da Casa do Conhecimento, que está a produzir viseiras, tendo já entregue 20 unidades aos Bombeiros Voluntários de Vila Verde para assim contribuir para uma melhor protecção na defesa das populações que servem».

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS