BRAGA – Criação de academia de jogos electrónicos vence Orçamento Participativo ‘Tu Decides!’ de Braga

BRAGA –
Criação de academia de jogos electrónicos vence Orçamento Participativo ‘Tu Decides!’ de Braga

O projecto eSports, com 891 votos, foi o mais votado na edição deste ano do Orçamento Participativo ‘Tu Decides’ e visa a criação na Ludoteca do Parque da Ponte de uma academia de eSports, uma actividade dedicada aos jogos electrónicos.

Os projectos ‘Boxe, uma luz para o futuro!’, com 473 votos, ficou em segundo e o projecto ‘Games On!’, com 286 votos, em terceiro lugar

PUBLICIDADE

A academia de ‘eSports’, pretende ser um centro de formação de atletas, treinadores e gestores desportivos na área dos jogos electrónicos.

“O eSports é uma modalidade que tem vindo a registar um crescimento significativo, pelo que este projecto vem dar resposta à vontade dos jovens bracarenses em desenvolverem aptidões nesta área”, refere a autarquia.

O orçamento para a concretização deste projecto é de 24 mil euros.

‘Boxe, uma luz para o futuro !’, com um orçamento de 19 mil euros, propõe a criação de uma rede de apoio para crianças, adolescentes e pessoas com necessidades especiais, através da modalidade do boxe olímpico. Pretende-se que através desta rede se possa trabalhar os valores de cidadania junto dos mais novos, assim como criar um meio para combater o insucesso escolar, a exclusão social e o bullying.

Já o projecto ‘Games On!’, com um orçamento de 24 mil euros, pretende aliar a tecnologia digital às artes da dança e da música, colocando-a ao serviço dos alunos do ensino articulado do Agrupamento de Escolas de Maximinos. A associação do digital, através do uso de jogos de dança e música, gravações e edição de vídeos relacionados com improvisações em dança e performances musicais é o grande desafio. A proposta prevê ainda formação na área digital complementada com a realização de espectáculos.

Recorde-se que o ‘Tu Decides’ é uma iniciativa da Câmara de Braga que visa promover “uma maior aproximação das políticas públicas às necessidades e objectivos dos jovens”.