Curso de Formação de Suporte Básico de Vida e de DEA

Curso de Formação de Suporte Básico de Vida e de DEA

No seguimento do processo de certificação do Vilaverdense FC como Entidade Formadora, decorreu hoje, das 09h00 ás 18h00, nas instalações do clube, o Curso de Formação de Suporte Básico de Vida e de DEA (com desfribilhador).

O curso foi operacionalizado pela empresa de formação credenciada CESPU, que foi ministrado por dois formadores, o enfermeiro Mário Branco, do INEM do Poro e pela sub-chefe dos Bombeiros de Braga, Cátia Silva.

Neste curso foram formandos 12 pessoas: o presidente do Vilaverdense FC, Monarca, o Director Geral da Formação, José Pedro bem, os treinadores, fisioterapeutas e directores.

PUBLICIDADE

Todos os formandos terminaram o curso com aproveitamento, estando agora habilitados a exercer manobras de reanimação em suporte básico de vida com uso de desfribilhador, equipamento esse que já disponível para utilização no clube.

«Foi dado um grande passo na componente da saúde desportiva, dispondo agora o Vilaverdense FC de profissionais acreditados pelo INEM para agir em situações de emergências de PCR», disse José Pedro.