PAÍS –

PAÍS – -

Deputado Rui Silva questiona Ministro da Defesa sobre falta de efectivos nas Forças Armadas

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O deputado do PSD Rui Silva questionou o Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, sobre a falta de efectivos nas Forças Armadas, que considera ser «transversal a todos os ramos» e estar «na base das grandes dificuldades» das Forças Armadas.

«Em todas as audições que tivemos com os Chefes de Estado Maior, ressaltou que o grande problema, além da Lei de Programação Militar, é a falta de efectivos. E eu não ouvi uma palavra do senhor Ministro sobre esse problema», apontou.

PUBLICIDADE

Numa intervenção feita na Comissão de Defesa Nacional, Rui Silva reportou-se ao «abandono precoce» por parte dos jovens que entram nas Forças Armadas, questionando sobre que estímulos tem o Governo em mente para atrair mais elementos para a carreira militar.

ESTALEIROS DE VIANA DO CASTELO

O deputado social-democrata voltou a reiterar as dificuldades do Hospital das Forças Armadas, abordando também a aquisição de seis novos navios-patrulha oceânicos para a Marinha portuguesa, no âmbito da revisão da Lei de Programação Militar.

«Recentemente, o senhor Ministro disse poder adivinhar – foi a sua palavra – que os seis novos navios serão construídos nos estaleiros de Viana do Castelo, num investimento de 360 milhões de euros. Disse ainda que o navio polivalente logístico, também previsto na nova lei, também venha a construir pelos estaleiros da West Sea, em Viana do Castelo, apesar de considerar tratar-se, nas suas palavras, de uma matéria mais complexa. Espero que os seus dotes de adivinho se venham a confirmar», apontou.

Segundo Rui Silva, «é importante para o país que esse “cluster” naval ganhe força, juntamente com o “cluster” aéreo», lembrando que «foi um Governo do PSD, juntamente com o CDS, quem decidiu privatizar e encontrou a solução para os estaleiros de Viana do Castelo», que têm agora «mais trabalhadores, mais tecnologia» e capacidade para «construir estes navios em Portugal».

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.