BRAGA -

BRAGA - -

Dois camiões-frigoríficos aumentam capacidade da morgue do Hospital de Braga – mas, medida, é só “preventiva”

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Um camião tir, com uma câmara frigorífica estacionou, ontem, junto das instalações do Instituto de Medicina Legal do Hospital de Braga. O que se disseminou, logo, nas redes sociais…

Fonte hospitalar revelou, entretanto, que, nos próximos dias será colocado um outro camião: um deles apoiará o Instituto de Medicina Legal e o segundo o próprio hospital.

Não há alarme, nem aumento exponencial do número de vítimas. É, tão só, uma medida de prevenção, já que nem a capacidade da morgue, nem a do Hospital está esgotada”, disse a fonte, salientando que, no mesmo sentido, foram abertas seis novas alas para doentes com Covid-19 que possam ser internados.

PUBLICIDADE

A instalação dos «frigos» – que vai alargar-se a outros hospitais do país – estava prevista no plano de contingência do hospital, face a uma provável, ainda que hipotético, aumento de casos derivados de infeção do vírus SARS CoV 2

Acresce que, também abrimos seis alas para receber doentes com infeção e ainda não tínhamos esgotado a capacidade do modelo anterior”, refere a unidade de saúde, pedindo aos bracarenses para “não entrarem em pânico”.

O hospital refere que também ampliou a área da Unidade de Cuidados Intensivos, que tem agora 32 camas para tratamento de doentes com covid-19.

Realizou, até esta segunda-feira, um total de 2.530 testes de despiste, dos quais 407 resultaram em covid positivo.

Há ainda quatro casos “completamente recuperados” e um parto realizado a grávida com covid-19.

Atualmente, tem 73 utentes internados em enfermaria e 14 na unidade de Cuidados Intensivos, que apresentam sintomas graves.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS